Inibidores da MAO

O que é um inibidor da MAO?
Detalhadamente
Misturas “smart”
O perigo dos IMAO
Química
Lista de misturas perigosas
Ligações / Referências

O que é um inibidor da MAO?

O DMT encontrado em plantas como a jurema-preta (Mimosa hostilis), a chacrona (Psychotria viridis) e o capim-amarelo (Phalaris Arundinacea), não costuma ter efeito por via oral. Isto deve-se a que é destruído (inibido) pela monoamina oxidase (MAO). A MAO é um a enzima importante que destrói certos compostos químicos como drogas e venenos.

Os inibidores da MAO, ou IMAO, interferem com o funcionamento da enzima MAO e anulam a destruição de compostos químicos tais como o DMT, tornando-o activo quando ingerido. A mistura de uma planta que contenha DMT e um IMAO é conhecida como ayahuasca (ou yage). Os IMAO devem ser usados com grande cuidado, pois podem tornar comidas normalmente inofensivas em substâncias altamente perigosas. Os resultados podem variar entre dores de cabeça, náuseas, perda da consciência, ou morte. Na tradição xamã, os IMAO são usados apenas depois de pelo menos um dia de jejum. É aconselhável respeitar esta tradição.

Os IMAO são:

  • arruda síria (Peganum harmala)
  • ayahuasca (Banisteriopsis caapi)
  • maracujá
  • ioimba
  • e certos antidepressivos

Detalhadamente

A monoamina oxidase (MAO) é o principal meio eliminatório da maioria das triptaminas. É por isso que os inibidores da enzima MAO (IMAO) podem ser usados para aumentarem o efeito das triptaminas e tornarem o DMT e o 5-MeO-DMT activos por via oral.
Os inibidores da MAO dividem-se em duas classes: irreversíveis e reversíveis. Para além disso podem inibir apenas um ou ambos os tipos de enzima de MAO, sendo estes a MAO-A e a MAO-B, as quais estão associadas aos neurónios serotonérgicos e dopaminérgicos, respectivamente.
Os IMAO irreversíveis (por exemplo, as hidrazonas iproniazida e fenelzina) ligam-se permanentemente à enzima e causam uma inibição da MAO que dura 1-2 semanas após a ingestão. São usados clinicamente para tratar a depressão.
Os IMAO reversíveis, como a moclobemida, que é usada como antidepressivo, e as betacarbolinas harmina e harmalina, são eficazes durante muito menos tempo, talvez um máximo de 24 horas. Apreciadores de drogas recreativas no mundo inteiro usam sobretudo a harmina e a harmalina, apesar de não haverem estudos científicos sobre os seus efeitos no corpo humano.

Misturas “smart”

Tomar IMAO propositadamente não tem de ter efeitos secundários muito desagradáveis. A náusea é minimizada na “farmahuasca”, a qual consiste de DMT puro e um inibidor reversível da MAO, tal como a harmalina ou a moclobemida. Quando o DMT está em forma de extracto, tomá-lo com uma substância inibidora da MAO pura em vez de uma planta que contenha IMAO, costuma reduzir significativamente a náusea e outras sensações corporais. Os IMAO também têm sido usados para reduzirem os efeitos dos cogumelos psilocibinos e mesmo das fenetilaminas -- esta última mistura pode ser muito perigosa. A ingestão de DPT com IMAO tem sido chamada de “propilhuasca”; o DPT é oralmente activo sozinho, e a dosagem deve ser mais pequena quando misturada com os IMAO.

Segundo relatórios, um grama (correspondente a cerca de 30 mg de harmina/harmalina) de sementes de arruda síria ingeridas inibe a MAO suficientemente para tornar o DMT activo oralmente, enquanto que 75 mg de moclobemida são suficientes para o mesmo efeito. Resumindo, é por isto que as sementes que contêm DMT são misturadas com arruda síria para aumentarem as suas qualidades alucinógenas.

O perigo dos IMAO

Existem perigos significativos no uso dos inibidores da MAO. A maioria dos IMAO aumentam os efeitos cardiovasculares da tiramina e de outras monoaminas encontradas nos alimentos. A ingestão de queijos secos, cerveja, vinho, arenque de conserva, fígado de galinha, produtos fermentados, grandes quantidades de café, frutas cítricas ou enlatadas, figos, favas, chocolates ou natas durante a inibição da MAO pode causar uma crise de hipertensão, incluindo um aumento perigoso da tensão arterial.

Os IMAO interagem com outras substâncias psicoactivas para além das triptaminas; os efeitos das anfetaminas, dos anestésicos em geral, dos sedativos, das anti-estaminas, do álcool, de analgésicos fortes e de agentes antidepressivos prolongam-se a intensificam-se.
Uma overdose de IMAO apenas também é possível, com efeitos que incluem hiperreflexia e convulsões.
Deve notar-se, todavia, que estes graves avisos aplicam-se melhor no caso de IMAO irreversíveis, e muitas pessoas que usam os IMAO reversíveis para a activação ou aumento das capacidades das triptaminas não são muito cuidadosas e não parecem sofrer efeitos perigosos.

Química

Os derivados das triptaminas e betacarbolinas foram detectados como metabolitos endógenos nos mamíferos, inclusive nos humanos. As metiltransferases que catalizam a síntese das triptaminas, incluindo o DMT, o 5-MeO-DMT e a bufotenina, encontram-se nos pulmões, no cérebro, no líquido cérebro-espinhal, no fígado e no coração humanos (McKenna & Towers 1984). Na glândula pineal a MAO é o principal meio de eliminação da serotonina, um neurotransmissor sintetizado a partir do aminoácido triptofano. Se a MAO for bloqueda pela harmina, harmalina ou outros inibidores da MAO, a serotonina pode ser convertida pelas enzimas metiltransferases HIOMT e INMT em triptaminas psicadélicas (serotonina --(HIOMT)--> 5-MeO-tript. --(2*INMT)--> 5-MeO-DMT).
Assim, ingerir L-triptofano para aumentar os níveis de serotonina, uma barra de chocolate para aumentar a quantidade de triptofano que entra no cérebro e plantas contendo 25-50 mg de harmina/harmalina para bloquear a MAO, todos ao mesmo tempo, pode levar a glândula pineal a sintetizar quantidades substanciais de 5-MeO-DMT (Most 1986). Resultados semelhantes podem ser obtidos substituindo 5-hidroxitriptofano (5-HTP) por triptofano. As doses de melatonina normais para dormir também foram tomadas com IMAO reversíveis, com os efeitos psicoativos resultantes sugerindo uma interacção significativa das duas substâncias. Isto é extremamente perigoso para pessoas com desiquilíbrios de aminas ou esquizofrenia. Para as pessoas saudáveis normais as consequências possíveis são más.

Um forte inibidor da INMT, uma enzima necessária para a síntese do DMT e do 5-MeO-DMT, encontra-se em concentrações particularmente altas na glândula pineal. A inibição da síntese deste inibidor pode ser responsável por transes e outros estados psicadélicos conseguidos “sem drogas” (Strassman 1990). Lê o artigo de Strassman para mais informação e especulação sobre a glândula pineal.

Lista de misturas perigosas

Abaixo encontras uma lista de substâncias que NÃO deves tomar 12 horas ANTES e 12 horas DEPOIS de tomares um inibidor da MAO.

Muito perigosas:

  • antidepressivos contendo inibidores selectivos de recaptação da serotonina (ISRS), tais como a erva kanna (Sceletium tortuosum) e comprimidos de paroxetina (Seroxat), fluoxetina (Prozac), citalopram (Cipramil), fluvoxamina (Fevarin) e sertralina (Zoloft)
  • comprimidos para dormir
  • anestésicos
  • remédios para enchaquecas
  • remédios para alergias
  • remédios para constipações
  • cocaína
  • anfetaminas (speed)
  • MDMA (XTC)
  • cactos de mescalina (peiote e são pedro)
  • álcool
  • éfedra/efedrina (por exemplo em produtos como Ephedra Super caps, Super stacker, Ultra Boost)
  • pseudoefedrina
  • macromerina
  • fentermina

Podem causar dores de cabeça ou vómitos:

  • produtos lácteos fermentados (soro de leite, iogurte, natas)
  • queijos (excepção: queijo fresco, queijo creme)
  • choriços secos ou fermentadas (bologna, salami, pepperoni, corned beef, and liver)
  • carne, peixe e ovos secos
  • arenque de conserva, peixes secos com sal
  • extractos de carne
  • extractos de levedura (Marmite)
  • couve fermentada
  • frutas (banana, pêra abacate, figos, passas, ameixas vermelhas, ananás, framboesa, fruta enlatada)
  • nozes (amendoins)
  • feijões e vagens (feijão verde, favas, lentilhas, ervilhas e soja)
  • molho de soja
  • LSA (sementes de glória-da-manhã e de trepadeira-elefante)
  • ervas com MDA (noz-moscada, cálamo)
  • chocolate
  • cafeína (café, chá, colas, guaraná, bebidas energéticas)
  • ginseng
  • erva de são joão
  • inaladores nasais (Vicks Sinex, Prevalin ou Otrivin)
  • outros inibidores da MAO

Ligações/ Referências

Este artigo baseia-se nas seguintes páginas:

Erowids MAOI Vault
Azarius sobre inibidores da MAO




Comentários

  • Kram - 2007-05-18 05:00:20 +24

    I'm glad there's no mention of THC being armfull or dangerous combination.

  • Psyclist - 2007-06-04 15:02:00

    Any good experiences combining MAOI's with mushrooms?

  • j - 2007-07-28 09:48:40 -3

    I once had two tablespoons of nutmeg with an average dose of magic mushrooms and the trip was definitley quite enhanced... i had a super bad horror trip on it and walked myself into hospital for some reassurance that I wasn't about to die... served me right for not reading up on the combination before I guess...

  • siras - 2007-09-14 21:13:58 +2

    thanks god for this article. very good info. good job!

  • dre - 2007-09-19 13:23:51 -5

    Shrooms contain small amounts of DMT as well as psilocybine. When taken with MAOIs like Peganum Harmala, the DMT becomes active and you get a combo trip. Read up on Erowid.

    I definitely enjoyed the sensation, wish I had taken more shrooms though - I took 3g of Syrian rue (chewed it for 3 minutes or so) and half a box of Golden Teacher shrooms. All I can say is - niccceeee.

  • moonskin1976 - 2008-11-11 18:26:49 +7

    I bought some 200 mg of 95% pure harmaline and divided it into four capsules (50 mg per capsule) then took a capsule about 30 minutes before ingesting the psilocybin mushrooms. After I took 3.5 grams of mushrooms, the effects came on quickly. I captured visuals that I have never captured before on any other substance. I tripped for about 8 hours with the peak lasting almost the whole time. The visuals were so intense at times I thought I was coming apart at an atomic level. Definately not for the faint of heart but, recommended for anyone who thinks they have things "figured out".

  • Dude - 2008-12-04 15:10:03 -1

    Uhm, MAOI's with mushrooms won't be a very good idea I think... Surely the MAOI's will boost your shroom-experience, but, if you use the right shroom-dosage you will probably don't even need it. I've only had very very strong mushroom trips, so I wouldn't wanna go anywhere near MAOI's ;P

  • moa - 2009-07-13 23:01:19 +1

    qual o efeito se tomar o cha de ayahuasca que contem as propriedas = banisteriospsis caapi ou seja betacarbolinas ( harmina,harmalina e tetrahidroharmina e a psicotria viridis que contem o DMT, junto com cloridrato de duloxetina,cloridrato de bupropiona,alpazolam e clonazepam, aguardo resposta, aguardo resposta no email : institutoaom@hotmail.com

  • Hannah - 2010-09-29 14:57:10 -1

    Oooh I am SO glad i found this. I heard about nutmeg as a way to get high and was thinking about trying it out...but I'm on SSRIs. And I drink LOADS of coffee haha...wow. Glad I didn't try that XP

  • andy - 2010-10-25 09:54:31 -1

    Hi, thanks for this. But I am concerned that you lump several medications together ... for example "over the counter cold medications" could mean any one or a combination of a huge number of medications ... as could "migraine medications". We really need to know what's in each medication before we can comment. Blessings. Andy

  • Zen-panda - 2011-05-08 22:43:57 +3

    So is P.Harmala a short time inhibitor or a long one? How long before i can start eating properly again? I have 10g of P.harmala and 10g of M. Hostilis. I want to do a mix of 1.5g P.Harmala and 5g M.Hostilis and two lemmons and simmer on stove. strain afterwords and drinkt. But the whole MAOI crap is scaring. any advice on how long doe the MAOI stay within the body and after eating when can i consume the ayhuasca?

  • knob - 2011-06-14 21:59:13 +1

    Is there some food that is confirmed to be safe to eat with MAOIs?

  • Rogue - 2011-09-24 09:36:09 -5

    I have taken the maoi nardil for twenty years without paying any attention to the tyramine effect and have no untoward events ever.

  • Martez - 2013-01-16 22:00:36

    Hey so I ate a handful of the seeds ate a half eighth of the shroomies and smoked some amphetamine 1 night I'm concerned about my health just wondering if anyone else has done the same thing and if they have some sort of psychosis from it or anything please respond ur message will be read sometime

  • Jarma - 2014-05-13 23:16:22

    Always fast for about 24 hours before the consumption of ayahuasca

  • Carlito jones - 2014-06-28 19:41:46

    ALWAYS FAST IS CORRECT. Do as they have done before us in jungles where there is experience is utilizing these compounds, the people always fast. Fast before any shroom trip too, maoi or not.

Junta comentário

Última alteração em 2014-09-21 | © 1999-2014 Azarius International

Escritório da Azarius
PO box 3458
1001 AG Amsterdam
The Netherlands

Loja da Azarius
Kerkstraat 119
1017 GE Amsterdam
The Netherlands

Com base na tua morada de IP determinámos o teu país.

Usamos esta opção para determinar os produtos que podemos enviar para o teu país.
O nosso sistema meteu água? Muda simplesmente o país.

Para questões relacionadas com as nossas políticas de envio, consulta por favor a nossa página de Perguntas Frequentes ou contacta-nos.